Profissionais da Administração oferecem consultoria gratuita durante a crise

Iniciativa do Conselho Federal de Administração conta com apoio do CRA-SC
O primeiro caso de coronavírus no Brasil foi confirmado em 26 de fevereiro. Três meses depois, o país já registra quase 400 mil casos e mais de 23 mil mortes. Ainda sem uma vacina ou tratamento específico, a forma mais eficiente de conter o rápido avanço do vírus é o isolamento social. Sem poder exercer atividades laborais, muitos profissionais e comerciantes já amargam severos prejuízos econômicos. Os governos federal, estaduais e municipais liberaram ajuda financeira para os grupos mais prejudicados com a quarentena. Contudo, para manter a saúde do negócio é preciso mais do que dinheiro: é necessário investir em gestão profissional. Por isso, o Conselho Federal de Administração (CFA), em parceria com os Conselhos Regionais, lançou a campanha “Administrador e Empreendedor: unidos no fortalecimento dos negócios”.
Profissionais da Administração de Santa Catarina estão oferecendo consultorias gratuitas em finanças, orçamento, logística, recursos humanos, marketing, tecnologia da informação e outras áreas da Administração para microempreendedores individuais (MEIs), microempresas (MEs) e empresas de pequeno porte (EPP). Os empreendedores que querem ter acesso à consultoria devem se cadastrar no site: http://cfa.org.br/MPEs/
“O momento é de união entre todos os que movem a economia de nosso estado. O CRA-SC, em parceria com o Conselho Federal de Administração, aposta no projeto Administrador e Empreendedor: unidos no fortalecimento dos negócios, com a missão de levar à sociedade profissionais capacitados para auxiliar em um período de crise que se agrava a cada dia. Não mediremos esforços para conseguir atender o maior número de empresas e auxiliar os pequenos negócios na retomada do crescimento”, destaca o presidente do CRA-SC, Adm. Paulo Sérgio Jordani.
Segundo uma pesquisa feita pelo Sebrae-SP, a falta de planejamento e falhas na gestão são as principais causas do fechamento de empresas em seus primeiros anos de atividade. Para se ter ideia da gravidade do problema, o estudo mostra que 55% dos empresários não elaboraram um plano de negócio antes de iniciar suas atividades. Não basta ter suporte financeiro se não há conhecimento, especialmente em tempos de crise. Uma equipe de colaboradores do CFA e CRA-SC analisará o cadastro dos empreendedores que querem participar do projeto. A partir disso, a autarquia intermediará o contato entre os consultores e os MEIs, MEs e EPP.